Esquerda faz oposição, a direita tenta dar golpes

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse, nesta quinta-feira (29), em discurso em Porto Alegre ao lado da candidata do PT, Dilma Rousseff, que a direita “tenta dar golpes a cada 24 horas” e que os dois mandatos de seu governo foram repletos de “provocações, ataques e infâmia”.

“A esquerda pensa que sabe fazer oposição, que sabe fazer barulho. Mas foi no governo que nós aprendemos que a esquerda faz oposição, a direita tenta dar golpes a cada 24 horas nesse país para não permitir que as forças que governassem esse país da forma democrática como governamos pudessem continuar nesse país”, afirmou.

O presidente disse que viveu momentos de crise no governo e que Dilma não “pestanejou” em nenhum momento. “A gente conhece quando uma pessoa é leal pelos olhos”, elogiou. Ele voltou a dizer que as mulheres conquistaram espaço no mercado de trabalho e acabaram com preconceitos e pediu “uma chance à maioria”.

Lula também pediu votos para o ex-ministro Tarso Genro (PT), candidato ao governo do estado, e para os candidatos a senador na chapa, Paulo Paim (PT) e Abgail Pereira (PC do B). Disse ao público presente ao estádio onde foi realizado o comício que é importante eleger parlamentares da base aliada. “Senão será muito difícil governar o Brasil. Não quero que a Dilma passe pelo que eu passei.”

#eleições #lula #PT

1 visualização0 comentário

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 Bahia Informa- O site que mais cresce na Bahia. #REDELSP