FHC entre o cinismo republicano e a candidatura agregadora.

Nunca foi tão fácil contestar intelectual e politicamente o PSDB, que conspirou e executou em conjunto com as forças sem votos a derrubada da presidente Dilma Rousseff, eleita democraticamente nas urnas, como nesse momento em que a Brasil destroçou-se política e economicamente, coordenado pelo então desligado da realidade Michel Temer, apoiado religiosamente pelos próprios tucanos.

Mas parece que com tantos problemas e escândalos desse governo formado também pelos tucanos, a única pessoa que não quer enxergar essa realidade é exatamente o grande mestre de todos eles, que é Fernando Henrique Cardoso. No auge da sua idade bem avançada ele está se esquecendo que foi Presidente da República por duas vezes, e isso não permite que fique cometendo gafes intelectuais.

Em seu mais recente artigo de opinião no Estado de São Paulo (“Uma candidatura agregadora”), ele parece que está delirando, ou então sua capacidade de raciocínio não está lhe ajudando nas avaliações para observar que pode ser cinismo o que propõe. Simplesmente ele propõe a criação de um pólo democrático e popular para olhar as eleições de 2018 com uma visão de futuro.

Pode ser decrepitude, mas soa bem mais cinismo escrever para um público que parece que se idiotizou as palavras “democrático” e “popular”. Mas como pode ele que assessorou essas forças golpistas que nem mesmo sabem governar, como se comprova a cada dia na prática, falar em democracia? Como pode ser tão cínico em falar em apresentar um novo projeto para o país, e ao mesmo propor a continuidade de seu partido dentro do governo mais impopular da história da República, e o único a ser denunciado por corrupção passiva?

Chega a ser patético (deve ser a idade!) ele falar que a bandeira da igualdade ganha enorme força diante da desigualdade gritante prevalecente! Chega a ser doentio seu discurso em defesa de seu quase morto partido para protagonizar as eleições de 2018, e ainda nas entrelinhas falar que com Michel Temer no Palácio do Planalto as coisas melhoraram, e ainda defender permanência dos seus cegos seguidores nas hostes golpistas e impopulares que tomaram conta de Brasília!

Mais cinismo ainda são suas críticas contra as tetas bem mamadas, falando em erros morais quando seu partido está absolutamente onipresente perto da vaca gorda. O PSDB conspirou contra Dilma Rousseff e contra a democracia, foi o relator da Reforma Trabalhista, permitiu a entrega da exploração do Pré-sal para empresas petrolíferas estrangeiras, elaborou o parecer favorável a Michel Temer para não ser investigado pelo STF por corrupção passiva, defendem através do Itamaraty os interesses norte-americanos com unhas e dentes, e FHC vem falar em moralidade como a coisa mais natural do mundo!

Não deveria se aposentar logo para parar de cometer gafes intelectuais envergonhando a sua própria história? Mas como que caduco outro dia defendeu para ser candidato à Presidência da República o global que enriquece a cada sábado que se passa com a miséria alheia, Luciano Huck, então somente falta agora ele começar a defender de novo o nome de Aécio Neves como o salvador da pátria brasileira. Não duvido mais de nada!

Por Genaldo de Melo

#FHCentreocinismorepublicanoeacandidaturaagregadora

0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2019 Bahia Informa- O site que mais cresce na Bahia. #REDELSP